Descubra como fazer vídeos para o YouTube!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Uma das dúvidas mais válidas, e que recebo muito, é sobre como administro meu canal no YouTube. Qual o segredo, afinal de contas, para ter canal no Youtube e como fazer bons vídeos?

Em outro momento, eu já falei sobre como fazer vídeos para o YouTube. Porém, uma outra coisa completamente diferente é montar sua rotina de produção para ter um canal de sucesso.

E nada cai do céu, não é mesmo? Então a primeira coisa que preciso te dizer é que será trabalhoso, sim, mas é um trabalho gratificante e com bons frutos.

Se você quer saber mais sobre minha experiência e sobre como ter canal no YouTube, assista meu vídeo abaixo e continue me acompanhando neste artigo!

CLIQUE e Inscreva-se no canal:

Separe um dia para gravação

A coisa que mais funciona comigo, atualmente, é separar um dia para gravação. E sinceramente acredito que essa é uma das maneiras mais eficientes de manter seu canal atualizado.

E não é difícil entender porquê: se você pretende publicar um vídeo por dia, imagine a dificuldade que é gravar todos os dias, independente dos problemas normais que nos tomam a rotina.

Por isso, optar por separar um dia no mês, ou mesmo na semana, é a melhor maneira de ter canal no YouTube sem aquela preocupação constante de gravar, ter assunto e editar.

Aliás, isso é o que nos leva para o próximo tópico.

Tenha um editor de vídeos que faça esse trabalho para você

Se separar um dia para gravar já é complicado, imagine se você também precisa editar. Mesmo que você goste desse processo de edição, como eu também gosto, o nível de trabalho nem sempre compensa.

Além de ser muito trabalhoso editar (bem) um vídeo, nem sempre a gente está preparado para fazer a melhor edição. Afinal, não somos profissionais nesse assunto!

Por isso mesmo, uma das recomendações que te dou é contratar alguém para fazer a edição para você. Isso mudou completamente minha experiência em ter canal no YouTube, e com certeza otimizou meu tempo.

Quando você tem alguém para te ajudar nesse quesito, é muito mais fácil que você tenha tempo para se dedicar a ter ideias e fazer bons roteiros. Isso é o mais importante para o canal!

Pare de se preocupar com equipamentos!

Uma das maiores questões sobre como fazer vídeos para o YouTube, na verdade, não tem nada a ver com os equipamentos. Sim, acredite!

Ter uma boa câmera, a iluminação perfeita ou mesmo o melhor microfone do mundo não são nem de longe requisitos para ter canal no YouTube. Essas coisas simplesmente não importam (ao menos, não tanto quanto você imagina)!

Ao invés de se preocupar tanto com a qualidade de seu equipamento, e não produzir nada por isso, foque no que realmente importa. Um conteúdo de qualidade e otimização do seu canal são cruciais!

Aliás, se você pretende ter canal no YouTube e vê-lo crescer, alguns tópicos que realmente importam dizem respeito a estrutura do seu canal. Não entendeu? Calma que te explico.

Existem 3 coisas que o seu canal precisa otimizar, para conseguir mais acessos e ter sucesso.

1. Thumbnail

O thumbnail é aquela imagem reduzida de apresentação do seu vídeo. É o que as pessoas veem quando pesquisam algum assunto relacionado ao vídeo e ele aparece na pesquisa.

Por que ele é tão importante? Simples! Ele é o chamariz principal de seu conteúdo. É por essa imagem principal que o seu público vai pensar se é interessante ou não assistir o vídeo.

Investir em algo mais profissional também vai tirar do seu canal aquela imagem de amadorismo. Afinal, todos queremos que nos enxerguem como profissionais, não é mesmo? Esse deve ser, então, um dos seus primeiros passos!  

2. Título

Não se engane, não adianta ter o melhor conteúdo do mundo, se você não tem o título certo. Seja para quem tem um blog ou quer ter canal no YouTube, o título precisa ser instigante.

Além disso, claro, estamos lidando com um conteúdo digital. Portanto, seguir as regrinhas básicas de SEO para otimizar o título do vídeo também é fundamental. Só assim você será encontrado pelos mecanismos de busca da Google, por exemplo.

Não meça esforços na hora de fazer os títulos; coloque no papel todos aqueles que você considera interessantes, faça pesquisa por vídeos do mesmo assunto e gaste o tempo que for preciso para ter o melhor título.

3. Dinâmica do vídeo

Por último, mas nem de longe menos importante, o conteúdo. Mas não estou falando aqui sobre conhecimento e teoria que você vai jogar no vídeo.

Um dos grandes erros de profissionais que estão há muito tempo no mercado e resolver ter canal no YouTube, é tentar jogar todo seu conhecimento em um vídeo. Não dá!

As pessoas não querem um conteúdo difícil de digerir, nem ficar olhando para o que parece ser uma aula chata. O seu vídeo precisa ser dinâmico, lidar com a teoria de um modo leve.

Assim, você cria conexão com as pessoas que estão te assistindo, e aumenta as chances de seu vídeo alcançar um público ainda maior.

Os 9 Gatilhos Persuasivos do Marketing

privacy Não enviamos SPAM

Veja também
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×